8 atitudes que
ajudam a evitar e
controlar a azia


O tratamento da azia
pode incluir o uso de
medicamentos, mas é
necessária uma mudança
de hábitos tanto na dieta
quanto na forma como os
alimentos são consumidos.
Confira as dicas a seguir:



Não exagere ao comer: 

quanto maior for o volume
de alimentos ingeridos de
uma vez, maior será o
risco que o suco gástrico
reflua para o esôfago.


Não tome leite durante
a azia: 

a bebida tem pH baixo,
porém é rica em cálcio,
mineral que estimula a
produção de ácido
gástrico pelo estômago.


Abandone o cafezinho
após o almoço: 

a cafeína provoca um
relaxamento demasiado
no esfíncter, causando o
refluxo de ácido digestivo
para o esôfago.


Abra mão do chá
preto e chá mate:

o chá preto e o chá mate
também provocam o
relaxamento do
esfíncter, facilitando o
refluxo e aumentando
as chances de azia.



Evite álcool: 

além de irritar a mucosa
gástrica e esofágica, ele
também estimula a
produção de ácido pelo
estômago e diminui a
capacidade de
contração da válvula
que impede o refluxo.


Esqueça as bebidas gaseificadas:

elas aumentam a pressão
dentro do estômago,
facilitando que os ácidos
digestivos sigam em
sentido inverso.


Faça refeições na
hora certa: 

passar longos períodos em
jejum aumenta as chances
de azia, porque, quando
uma pessoa fica sem
comer, o ácido gástrico se
acumula e pode refluir.




Evite deitar após comer: 


isso facilita o refluxo dos
ácidos digestivos.
Permaneça sentado, pelo
menos, de duas a três horas
após o término da refeição.

CURTIU?