Automassagem para relaxar: veja o passo a passo! 

Além de ser uma forma simples de relaxar e de minimizar dores indesejadas, a automassagem é uma ferramenta de autocuidado que também traz vários benefícios à mente. 

E existem inúmeras maneiras para desfrutar da técnica! Acessórios, como bolas e massageadores, podem ser bastante eficientes (desde que você não sinta dor). 

Ah, e você pode fazer a automassagem todos os dias, sabia? Dá uma olhada nesse passo a passo detalhado para aliviar dores nas costas, no pescoço, na nuca e até na face! 

De início, comece com uma fricção circular usando os dedos médios, indicadores e anelares na mandíbula, abrangendo a gengiva inferior e as glândulas salivares.

Massagem no rosto

Continue a massagem na articulação da mandíbula e, nesse ponto, faça uma pressão constante com a polpa do dedo indicador. Depois, realize movimentos circulares na região da gengiva superior.

Com os polegares e indicadores em forma de pinça, pressione a região acima do lábio superior. Continue com o pinçamento opondo os três ossos dos dedos na maçã do rosto, indo da asa do nariz à orelha.

Faça pressão com os polegares na base do osso occipital (nuca), partindo do centro para as laterais (até a linha posterior das orelhas). 

Massagem na nuca

Depois, com uma das mãos, faça um movimento de pinça puxando os músculos da face posterior do pescoço. A cada área "pinçada" movimente, levemente, a cabeça e a região cervical da coluna.

Pince os músculos do ombro, seguindo sempre na direção do pescoço para o braço. A cada área "pinçada", faça movimentos com o ombro. Use a mão direita para pinçar o ombro esquerdo e vice-versa. 

Pressione continuamente os dedos médio e indicador no centro do ombro. Use a mão direita para o ombro esquerdo e vice-versa.

Faça uma fricção vigorosa com as mãos espalmadas na região lombar, local onde as dores costumam aparecer com frequência.

Massagem nas costas e coluna

Flexione o tronco para frente soltando o peso do corpo e expire fortemente. O movimento também pode ser realizado na posição sentada, se você preferir. 

Em seguida, use a ponta dos dedos para fazer uma fricção vigorosa e circular sobre o osso sacro com as duas mãos.

Na posição sentada na cadeira, eleve o tronco para trás, fazendo um arqueamento do tronco e da cabeça, priorizando a inspiração. Tome cuidado para não fazer movimentos bruscos! 

Clique aqui e leia mais

Curtiu?
Veja mais dicas
no Minha Vida