Conheça os prós e contras da escova de aminoácidos



A escova de aminoácidos é um tipo de escova progressiva realizada para diminuir o frizz, reduzindo o volume
dos cabelos.

A escova recebe esse nome, pois ajuda a repor os aminoácidos dos cabelos, componente que normalmente é perdido com o tempo.

Isso acontece pois a maioria das escovas são feitas com carbocisteína, um aminoácido que abre as estruturas do fio, permitindo que o alisamento seja feito
com a ação da chapinha.

Essa escova é indicada
para quem deseja ter o
liso perfeito todos os dias,
sem precisar de muitos
esforços.

Em geral, o efeito dura
de 3 a 5 meses. Esse
prazo depende do tipo
de cabelo e do número
de lavagens, 


pois o produto tende a sair mais rápido se os fios são lavados com muita frequência.


Para manter a eficiência da escova, 

a dica é fazer hidratação mais vezes, utilizar uma quantidade generosa de condicionar e evitar shampoos de limpeza profunda.

Apesar dos benefícios, existem algumas contraindicações. 

Pessoas com couro cabeludo sensível, cabelos oleosos ou com grande porosidade não devem fazer a escova de aminoácidos.

Nesses casos, o método pode aumentar a sensibilidade e oleosidade no couro, e deixar os cabelos com aparência ressecada e quebradiços.

Por causa da composição química dos produtos utilizados, também podem surgir complicações no processo de alisamento.

Entre elas, há a possibilidade de queimadura, descamação do couro cabeludo, ardência nos olhos, falta de ar e dor de cabeça. Por isso, procure um especialista antes de realizar o procedimento.

CURTIU?