3 doenças que causam sangramento na pele

Sangramentos na pele podem ter inúmeras causas, desde lesões em vasos sanguíneos até doenças que também geram hemorragias espontâneas.

Selecionamos, a seguir, três doenças e condições que têm como sintoma o sangramento da pele e por que vale a pena estar atento a esse sinal.

Trombocitopenia é o nome dado a toda e qualquer condição de saúde relacionada às plaquetas baixas no sangue.

Trombocitopenia

Leia mais

As causas das plaquetas baixas vão desde o uso excessivo de bebidas alcoólicas, a gravidez, algumas infecções, o uso de medicamentos ou mesmo doenças mais graves.

A leucemia é um tipo de câncer sanguíneo que atinge os glóbulos brancos, que tem como sintoma a hemorragia. 

Leucemia

Leia mais

Entre os sintomas da doença estão a queda de produção dos glóbulos vermelhos (causando anemia), dos glóbulos brancos (causando infecções) e das plaquetas (causando hemorragias).

Assim como qualquer tipo de câncer, a leucemia pede atenção para que o diagnóstico seja feito precocemente: quanto mais cedo descobre-se o quadro, mais chances de cura.

As doenças autoimunes são condições que ocorrem quando o sistema imunológico ataca e destrói tecidos saudáveis do corpo.

Doenças autoimunes

Leia mais

Entre os sintomas de doenças autoimunes estão dores nas articulações, febre, anemia e lesões cutâneas que levam ao sangramento da pele.

Dois exemplos de quadros autoimunes que levam ao sangramento da pele são o lúpus e a psoríase.

Por suas diferentes causas, o sangramento na pele pede sempre atenção e deve ser verificado por um médico. Com o diagnóstico correto da motivo do sintoma, é possível tratá-lo.

Cuidados

Gostou? Saiba mais sobre as causas do sangramento da pele no Minha Vida!