Estado civil
interfere no
consumo de
álcool? Segundo
a ciência, sim!

Você já presenciou alguém que
começou a beber mais após o
término de um relacionamento?
Saiba que este comportamento
é algo discutido por
pesquisadores e cientistas.

Segundo um estudo brasileiro,
pessoas solteiras possuem
quase 2 vezes mais chances
de praticar o consumo abusivo
de álcool em comparação a
pessoas em união estável.

 Já um levantamento norte-americano apontou que pessoas que acabaram de sair de um relacionamento chegam a beber duas a quatro vezes mais do que pessoas solteiras ou em um relacionamento.

Com isso, os pesquisadores concluíram: a estabilidade do estado civil pode contribuir para uma menor ingestão de álcool.

O estudo também aponta que ter compromissos com pessoas que praticam hábitos saudáveis, como uma rotina de exercícios,
pode melhorar a qualidade de vida e reduzir
o consumo de álcool.

É importante ressaltar que o consumo abusivo de álcool traz prejuízos, independente do seu estado civil, seja você solteiro, casado, namorando...

Além de atrapalhar o desempenho sexual do casal, beber demais pode causar brigas e levar ao sexo sem proteção, por conta da diminuição da percepção de risco.

Cuide-se, seja qual for o seu
estado civil. Seu bem-estar
deve ser a prioridade!

Clique aqui e leia mais

Tudo para sua
saúde e bem-estar
você encontra aqui