Hipnose: o que é
e quando pode
ser usada?

A hipnose é um método
terapêutico reconhecido
para o tratamento de diversas
questões físicas e emocionais,
atuando de modo consciente e
inconsciente.

Uma pessoa hipnotizada tem
uma alteração natural no foco
de atenção e pode entrar em um
transe leve, médio ou profundo.

No estado mais leve, a pessoa
"flui" a sua atenção entre estar
bem consciente e, às vezes,
mais focada nos pensamentos.

No estado médio, a pessoa fica
mais focada no que ocorre no
mundo das ideias, da fantasia,
com menor contato com todos
os estímulos do agora.

No estado mais profundo,
fica mais conectada com o
que sente, pensa e imagina e,
muitas vezes, não se recorda
posteriormente do que
vivenciou no estado hipnótico.

A hipnose pode contribuir para o tratamento de diversas questões emocionais, como ansiedade, depressão, compulsão alimentar e, também, somar para a cura e mudança de padrão.

A hipnose não é, porém, "delegar" ao hipnotista a cura do seu problema. A hipnose em si não é responsável pela cura de modo isolado.

É por meio da alteração do foco de atenção que podemos nos beneficiar de um momento específico de aprendizado.

A quantidade de sessões não pode ser estabelecida previamente, pois cada um responde e reage de modo diferente.

Durante o processo de tratamento é preciso entender que o estado hipnótico não é sempre igual para todas as pessoas.

Clique aqui e leia mais

Tudo para sua
saúde e bem-estar
você encontra aqui