Por que cuidar de cães previne deficiências em idosos?

Você sabia que ter um pet pode trazer benefícios à saúde de idosos? Foi o que mostrou um estudo da revista científica Plos One. Te mostramos o porquê a seguir.

Durante quase quatro anos, a pesquisa coletou dados de mais de 11 mil idosos, no Japão, que já tinham sido ou que eram donos de cães e gatos.

Como foi o estudo

Pessoas que nunca tiveram animais de estimação ao longo da vida também participaram do estudo japonês.

Dos entrevistados, 13,8% eram tutores de cachorros ou gatos; 29,5% relataram terem convivido com um dos dois animais; e 56,8% nunca foram tutores de pets.

Em comparação com quem nunca teve pet, os idosos donos de cães tinham riscos menores de apresentarem algum declínio físico ou cognitivo e tinham chances maiores de envelhecerem de forma saudável.

Além disso, ao final do estudo, o resultado observado foi o de que pessoas tutoras de cachorros apresentam chances menores de desenvolverem deficiências durante a velhice.

Isso é possível porque o pet demanda passeios regulares, o que tira o idoso do sedentarismo - e, consequentemente, contribui para a prevenção de deficiências físicas e cognitivas.

Idosos e cachorros

Além disso, a companhia do animal pode compensar a falta de interação humana típica dessa fase da vida - principalmente no caso de idosos que moram sozinhos.

Clique aqui e leia mais

Tudo para sua
saúde e bem-estar
você encontra aqui