Quais os riscos da hipoglicemia para quem tem diabetes?

Manter as taxas de açúcar no sangue controladas é essencial para o bom funcionamento do organismo. Porém, um desafio para quem convive com a diabetes.

A hipoglicemia é caracterizada pela queda dos níveis de açúcar - a glicose - no sangue.

Hipoglicemia:
o que é?

Para se ter uma ideia, em jejum, o valor normal da glicose, de forma geral, é de até 99 mg. Já em quadros de hipoglicemia essa quantidade fica abaixo de 70 mg.

A hipoglicemia pode acontecer em qualquer um, mas é mais comum em pessoas com diabetes, tanto as que tomam insulina quanto as que tomam medicamentos para estimular sua produção.

- Fadiga;
Excesso de fome;
Sudorese excessiva;
Tontura;
Náusea;
Tremores;
- Nervosismo, ansiedade e aceleração cardíaca;
Formigamento;
Boca seca;

Sinais de uma crise de hipoglicemia

Confusão mental;
Fala arrastada;
Dor de cabeça;
Irritabilidade;
Mudança repentina de comportamento.

A hipoglicemia pode ser grave e precisa ser tratada o mais rápido possível. Caso os sintomas sejam percebidos, é importante procurar ajuda e seguir com o tratamento corretamente.

Um dos principais cuidados para evitar a crise de hipoglicemia, especialmente na diabetes, é a regularidade na alimentação. Ou seja: não pular refeições.

Prevenção da hipoglicemia na diabetes

Evite ficar muitas horas sem comer, realize, no mínimo, quatro refeições diárias e adote uma dieta equilibrada, com carboidratos e frutas.

Existem, porém, alguns alimentos que devem ser reduzidos ou evitados, como açúcar refinado, bebidas alcoólicas e farinha branca, além de outros que fazem a glicose diminuir.

Clique aqui e leia mais

Tudo para sua
saúde e bem-estar
você encontra aqui